segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Chicago - Illinois - Parte 2.

No domingo de manhã, ou perto disso, acordei na maior priiiiii do mundo.

A Natalie tadinha foi trabalhar cedo, mas ficou o resto do dia off, foi ai que aproveitamos para explorar Chicago de cabo-a-rabo!

Tomamos café e aproveitamos que não estava chovendo para irmos ao The Bean novamente.

De lá já emendamos no painel que eu comentei no post anterior e seguimos pela Michigan Avenue, foi ali por essa avenida tão famosa que entendemos o significado do Windy City, venta muuuuuuito em Chicago, eu brincava com a Natalie que a gente precisava colocar uns pesinhos no bolso para não voar de tão forte que estava hahaha.

No meio do caminho encontramos uma ponte que dá uma vista maravilhosa, não resisti e parei para fotografar.

Nosso destino seria o tão famoso John Hancock Observatory, mas antes mesmo de chegar achamos uma Forever XXI com uma vitrine tentadora e resolvemos parar para fazer compras na rua mais tentadora de Chicago. São inúmeras lojas, Michael Kors, Top Shop, uma Burberry linda de três andares, sensacional e muitas outras stores divas.

Assim que saímos da forever percebemos que estava chovendo... keu keu keuuuu e conforme íamos andando a chuva ia aumentando. Finalmente achamos o prédio e para a nossa felicidade tinha um The Cheescake Factory no piso inferior... Ah Deus, obrigada!

Resolvemos jantar antes de tudo, nada melhor que um fettuccine Alfredo (meu favorito) em um dia friooo...

Depois da janta, seguimos para a recepção do John Hancock para comprar o ticket, mas infelizmente o cara nos informou que por causa da chuva não tinha visão nenhuma lá de cima, ou seja, seria dinheiro jogado fora, na verdade eles nem estavam vendendo, só para o observatório que decidimos não ir.

Pois é, imprevistos acontecem...

A chuva lá fora tinha aumentado, estava um frio/vento insuportável e corremos atrás de um táxi que estava impossível consegui. Acho que todo mundo naquele lugar resolveu pegar táxi.

Depois de muito rodar, conseguimos um... O motorista era uma matraca, nunca vi alguém falar tanto na vida e para ajudar me deu crise de riso, não podia olhar para Natálie hahahahaha, que começa a rir... E o bendito do moto não parava de falar, era pior que eu e a Natálie juntas.

O taxista nos levou para a nossa última parada, Navy Pier.
Chegando lá já fomos para a famosa roda gigante, a ferris Wheel.
Ela é super famosa, foi construída em 1893, mas para mim é apenas uma roda gigante hahaha. De noite ela fica toda iluminada e deixa o píer muito mais charmoso, não posso negar.

Fizemos uma horinha no píer e resolvemos voltar pro hotel, estava cansada, molhada e com frio....
Pegamos outro táxi e chegando ao hotel só tive força para um banho BEM quente, MENTIRA, antes fomos até o famoso letreiro de Chicago que ficava na rua de trás do nosso hotel.

Voltamos para o quarto, arrumamos as malas e deixamos tudo pronto porque no outro dia sairíamos cedo.

Na segunda de manhã acordei com a Natalie me chamando falando que tinha perdido hora e que a gente tinha que vazar tipo, já...

Fomos pro hotel da host dela, gente estava muito frio esse dia uns -3 C, juro.
O vento parecia cortar nossas peles, um frio insuportável, desumano hahaha.

No hotel ajudamos a host dela arrumar as coisas e seguimos para o aeroporto, chegamos em cima da hora do voo delas, nem me despedir direito da Natalie, elas correram para o portão de embarque e eu segui para as minhas comprinhas nas lojinhas de souviniers hahahaha.

A viagem foi tranquila, dormi na maioria do tempo, como sempre.

Cheguei em Washington e minha host já estava me esperando (fofa!) com minhas kids que não tiveram aula, safados haha. E minha menina me deu um cartão de aniversário que ela fez especialmente para mim J

E assim foi Chicago, linda, fria e feliz!!!

Até a próxima,

Meu beijo...


Millennium Park



The Bean por um outro angulo.
  



Ali atrás é o The Jay Pritzker Pavilion

Ahh o outono!

The Bean!




Museu de arte.

O famoso painel...

bora patinar?
  

Windy City, Oh yeahhh!

Fazendo jus a cidade do blues.

a ponte gatinha...

 
Olha que vista, me senti em Veneza!


A Natalie tava brava pq o cara que tirou a foto fez ela tirar o óculos hahaha

O Navy pier já decorado pro natal...

A famosa roda gigante!
 
Isso é tão Chicago, já vi em tantos filmes...

2 comentários:

REINVENTANDO disse...

Bom o passeio, apesar dos imprevistos, parece ter sido ótimo e as fotos estão muitos boas. Abraços. Sandra

Nadja disse...

Muito legal seu post e amei as fotos especialmente. Acho que um post com fotos fica muito mais divertido, faz muito mais sucesso né?
Beijos e tudo de bom para você!

Postar um comentário